A rádio Notícias Gerais Esportes Segurança Promoção Blogs OUÇA A RÁDIO
AO VIVO
OUÇA A RÁDIO
AO VIVO
Mande seu recado
telefone 54 3461.9700 whatsapp Whatsapp
54 9173.9090

Ex-Secretária de Turismo de Garibaldi irá presidir a Associação Internacional de Enoturismo

Públicado em 27 de junho de 2017


Ex-Secretária de Turismo de Garibaldi irá presidir a Associação Internacional de Enoturismo

Créditos: Alexandra Ungaratto

A representante do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), Ivane Fávero, é a nova presidente da Associação Internacional de Enoturismo (Aenotur)         


Os destinos do chamado turismo do vinho das principais regiões do mundo serão conduzidos por uma brasileira. A mestre em turismo Ivane Fávero foi eleita presidente da Associação Internacional de Enoturismo (Aenotur) e, nos próximos dois anos, estará à frente da entidade como representante do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), ao lado de uma diretoria com membros de países como França, Argentina, Espanha, Uruguai Portugal e Itália. A confirmação ocorreu na última sexta-feira (23), durante o Congresso Europeu de Enoturismo e Assembleia da Aenotur, realizados em Torgiano, na região de Umbria, na Itália.

A ex-secretária de turismo de Bento Gonçalves e Garibaldi ocupava a vice-presidência para a América Latina da entidade e passa a desempenhar o mais alto cargo do enoturismo mundial. Ivane destaca que terá um longo trabalho pela frente no sentido de prover em conjunto todos os destinos enoturísticos. O objetivo principal da criação da Aenotur é ter uma plataforma única para divulgar esses destinos e o Brasil está inserido neste contexto, adianta Ivane.        

Ivane lembra que a entidade surgiu em 2014 como resultado do Congresso Latino Americano de Enoturismo, após reuniões com representantes de Portugal e Espanha. “O fato do Brasil estar na presidência da Aenotur nos coloca definitivamente no mapa do enoturismo mundial. Podemos dizer que já somos referência de qualidade na oferta enoturística mundial”, afirma. A nova presidente informa que entre os principais objetivos é qualificar cada vez mais os produtos enoturísticos e ampliar o número de associados.  

Para o diretor de Relações Institucionais do Ibravin, Carlos Paviani, a eleição de Ivane no cargo de presidente da Aenotur deverá alavancar ainda mais a atividade no Brasil. De acordo com o último Censo Vinícola realizado no país, cerca de 30% das vinícolas tem projetos relacionados ao turismo de experiência. “O Ibravin acredita que investir no enoturismo é agregar valor à produção, atrair novos consumidores e fortalecer toda a cadeia produtiva vitivinícola”.   



Compartilhe:
Facebook | Twitter | Google+

OUTRAS NOTÍCIAS