A rádio Notícias Gerais Esportes Segurança Promoção OUÇA A RÁDIO
AO VIVO
OUÇA A RÁDIO
AO VIVO
Mande seu recado
telefone 54 3461.9700 whatsapp Whatsapp
54 9917.39090

Haitiano morre durante atendimento no PAM em Garibaldi

Editado em 18 de junho de 2019


Haitiano morre durante atendimento no PAM em Garibaldi

Créditos: Rádio Estação FM

Jean Rosemond Alcius, 30 anos, teria sofrido uma parada cardíaca 



Garibaldi- Um homem de nacionalidade haitiana, 30 anos, faleceu nesta segunda-feira, 17, enquanto aguardava atendimento no Posto de Atendimento Médico-PAM na cidade de Garibaldi. Segundo informações, a demora teria sido o descaso para com o americano. Em entrevista à Rádio Estação FM, a Vereadora Rosani Maria Fin Flores, servidora na área da saúde, comentou sobre o caso. “ Eu recebi a informação de que ele foi encaminhado pelos Bombeiros Voluntários ao PAM por volta das 7h, onde recebeu sim atendimento, permanecendo por três horas e meia e após veio a óbito. Ele estava hospitalizado na sexta-feira,14, conforme informações da direção e recebeu alta. Parece que no sábado e na segunda-feira ele já teria buscado atendimento no PAM também”, comentou.

A Parlamentar comenta que em casos como esse, que vai no PAM levado pelos Bombeiros, deveriam as pessoas serem conduzidas direto ao hospital para um atendimento melhor. “ Poderia até vir a óbito no hospital, mas seria diferente, ele teria um atendimento mais digno, pois lá existe CTI e todas as condições de tratar melhor os pacientes” destaca a Vereadora.

Ela comentou ainda, que irá buscar se inteirar mais sobre este e outros casos, para depois fazer o encaminhamento adequando a estes problemas. Questionada se o atendimento teria contribuído para a morte do haitiano, ela comentou: “Parece que o rapaz já tinha problemas, mas muitas vezes o atendimento não é adequado como deveria ser. Eu quero ter acesso a esse prontuário para saber bem a realidade desse paciente e até mesmo a causa da morte. Um senhor onde ele morava já havia solicitado para que ele fosse encaminhado ao hospital, mas eu preciso me inteirar mais sobre o caso, pois infelizmente ele veio a óbito” destaca.

Conforme a reportagem apurou, no momento em que o homem estava em atendimento no PAM, os Bombeiros Voluntários foram novamente acionados para conduzi-lo ao hospital, porém, ele sofreu uma parada cardíaca. Os servidores do posto tentaram reanima-lo mas sem sucesso.

Jean Rosemond Alcius, 30 anos, de nacionalidade haitiana, residia em Garibaldi. O seu corpo e as últimas homenagens estão sendo prestadas na sala “B” das Capelas Nossa Senhora do Carmo, bairro Glória, onde às 10h30min será celebrado culto, com posterior sepultamento no Cemitério Municipal de Garibaldi.


Compartilhe:
Facebook | Twitter | Google+

OUTRAS NOTÍCIAS